ANÁLISE FOTOQUÍMICA E MICROBIOLÓGICA DE PROTETORES SOLARES PRODUZIDOS NAS FARMÁCIAS DE COLATINA–ES

Autores

  • Alana Lacerda Centro Universitario do Espirito Santo-UNESC
  • Carlos Frans Benz Centro Universitário do Espírito Santo- UNESC
  • Orlando Chiarelli Neto Centro Universitario do Espirito Santo-UNESC

Palavras-chave:

Patógenos, Protetores Solares, Farmácias Magistrais, Impacto dos Microrganismos a pele, Fotoprotetores.

Resumo

A irradiação UVA e UVB do sol chega a superfície da pele e pode causar danos no DNA por mecanismos fotoquímicos. Compostos químicos contidos nos anti-solares são importantes para fotoproteção porque bloqueiam a radiação UV impedindo danos a pele humana. Muitos dos protetores são manipulados em Farmácias Magistrais de Colatina, porém não há informações aos consumidores sobre a qualidade do produto. Um protetor solar contaminado por microrganismos pode interferir na eficácia bem como no fator de proteção solar e causar envelhecimento precoce da pele. Por isso faz-se necessário a análise microbiológica dos fotoprotetores manipulados. As amostras de protetores solares produzidos em 6 Farmácias Magistrais do município de Colatina-ES foram submetidas a análise qualitativa para investigar a presença ou ausência de microorganismos. Análises estatísticas de variância (ANOVA) foram realizadas em triplicata a p < 0,05. Ágares seletivos foram utilizados como meio de cultura. Apesar de serem pertencentes da microbiota normal, Staphylococcus aureus foi encontrado em todas amostras avaliadas. No entanto sua detecção está associada a hábitos incorretos de higiene dos manipuladores. Já as análises dos componentes fotoprotetores ativos em cada formulação demonstraram que os filtros solares são capazes de proteger os raios UVA e UVB, pois os ingredientes fotoprotetores inorgânicos e orgânicos encontrados atingem a faixa de proteção UV necessária para redução dos radicais livres danosos a pele.

Biografia do Autor

Alana Lacerda, Centro Universitario do Espirito Santo-UNESC

Bacharel em Farmácia pelo Centro Universitário do Espírito Santo-UNESC

Carlos Frans Benz, Centro Universitário do Espírito Santo- UNESC

Professor do Centro Universitário do Espírito Santo - UNESC

Orlando Chiarelli Neto, Centro Universitario do Espirito Santo-UNESC

Doutor em Bioquímica pela Universitade de São Paulo - USP

Downloads

Arquivos adicionais

Publicado

2018-03-09

Como Citar

Lacerda, A., Benz, C. F., & Chiarelli Neto, O. (2018). ANÁLISE FOTOQUÍMICA E MICROBIOLÓGICA DE PROTETORES SOLARES PRODUZIDOS NAS FARMÁCIAS DE COLATINA–ES. Unesc Em Revista, 1(2), 27–43. Recuperado de http://revista.unesc.br/ojs/index.php/revistaunesc/article/view/23

Edição

Seção

Artigos